Idenor Ingeniería desenvolve projeto inovador para desionizar água

Projeto inovador para desionizar água

O projeto inclui solução de controle elétrico para tratamento de água por meio de sistema de eletrodesionização.

O projeto inclui solução de controle elétrico para o tratamento de água por meio de sistema de eletrodesionização.

 

A Idenor Ingeniería SRL – empresa argentina que, há mais de 20 anos vem trabalhando com a Rockwell Automation, além de ser um parceiro estratégico nos setores farmacêutico, alimentício e energético – desde 1980, se especializou em oferecer tecnologia para tratamento de águas.

Em mais de 37 anos de serviços, a Idenor Ingeniería projetou, montou e instalou inúmeras plantas de tratamento de águas na Argentina e em outros países da América Latina. A companhia mantém importante posicionamento local e internacional na área de processos de separação por membranas (osmose reversa, ultrafiltração e nanofiltração) e na produção de água ultrapura. Neste último, se dedica a projetar, fabricar, montar e qualificar plantas de tratamento para a obtenção de água segundo normas de diferentes farmacopeias: United States Pharmacopoeia (USP), European Pharmacopoeia (EP) e Japanese Pharmacopoeia (JP).

A Idenor Ingeniería também presta serviço de pós-venda, oferecendo adicionalmente instalação, comissionamento, programas de treinamento de pessoal e validação de processos.

Em 2013, a companhia decidiu substituir o sistema de controle eletrônico de um cliente, projetado para operar como uma fonte de tensão e corrente contínua. Essa ferramenta, que contava com componentes analógicos, era o núcleo do processo de eletrodesionização da água (EDI), um sistema contínuo por meio do qual é obtida água ultrapura, sem necessidade de produtos químicos.  

“O sistema gerava erros frequentes, usava componentes impróprios para operar em ambiente industrial, o que ocasionava uma defasagem no controle da corrente”, lembra Pablo Bejarano, chefe do setor de Automação da Idenor. “Assim, era preciso calcular os parâmetros constantemente, o que ocasionava interrupções na produção”, acrescenta. 

Foi por este motivo que a companhia, junto à Rockwell Automation, decidiu desenvolver um projeto inovador: um sistema de controle industrial para desionizar a água, o qual exigiria contar com um variador de velocidade que fosse capaz de gerar a tensão e a corrente contínua necessárias.

“Trata-se de uma solução nova para o mercado local no que diz respeito ao tratamento de água com sistema de eletrodesionização. Decidimos utilizar um variador de velocidade para a manutenção de corrente e tensão em valores determinados para atingir a desionização da água”, explica Bejarano.

Água de alta pureza

É importante mencionar que o EDI consiste na eliminação de íons e espécies ionizadas presentes na água por meio da eletricidade. Entre outras aplicações, é utilizado como depuração para a água permeada obtida a partir de osmose reversa, substituindo os sistemas tradicionais de leito misto e eliminando a necessidade do uso de produtos químicos para a regeneração das resinas de troca.

Entre suas principais vantagens diante de soluções de equipamentos de troca iônica com resinas, destacam-se: simplicidade, menor espaço ocupado e facilidade de manutenção. Além disso, permite a geração de um processo contínuo, menor custo e o cuidado com o meio ambiente.

Para realizar a iniciativa, a Rockwell Automation forneceu, entre outros produtos, um inversor de frequência (PowerFlex Digital DC Drive), um controlador CompactLogix 5370, um reator de linha trifásico e um condicionador de sinal para o monitoramento da corrente consumida com a carga.

O novo equipamento permite gerar água pura de alta qualidade para alimentar uma turbina que produz eletricidade, a qual pertence a uma das plantas de bioetanol (à base de milho) mais importantes da Argentina. “Com o antigo equipamento, seria preciso interromper o processo para realizar a recalibração, o que, consequentemente, gerava interrupção na produção de eletricidade”, esclarece o profissional.

Mais confiabilidade

A solução de controle industrial para desionizar a água está funcionando de maneira ininterrupta e sem nenhum tipo de problema há mais de um ano e conseguiu gerar benefícios importantes, como alta confiabilidade e eliminação de custos de manutenção corretiva.

“No passado, o cliente precisaria interromper a produção para calibrar o sistema eletrônico. Hoje, o cenário é totalmente diferente; essa implementação foi bastante acertada e conseguimos uma conformidade total do cliente final”.

Bejarano acrescenta que o projeto possibilitou atingir um alto nível de integração, característica antes inexistente, pois o antigo sistema era praticamente uma “caixa preta”, parametrizada de forma manual. Não havia, por exemplo, repetitividade da calibração e era muito difícil manter o padrão da qualidade.

Além disso, ao utilizar o inversor de frequência PowerFlex como fonte de corrente e inserindo todas as variáveis no controlador CompactLogix 5370, é possível obter uma regulação com um grau de controle muito mais preciso e com a possibilidade de integrar todas essas variáveis, o que antes não poderia ser feito. 

“Em resumo, isso permite atingir um alto nível e uma regularidade padrão da qualidade da água que está sendo fornecida, isto é, uma máxima pureza do líquido, sendo possível também realizar a rastreabilidade do processo”, enfatiza o engenheiro.

É importante destacar que a solução PowerFlex é projetada para as aplicações de sistemas de variadores e controle de variadores coordenadas e autônomas mais exigentes. Essa ferramenta combina o poderoso rendimento com o controle flexível, para produzir uma solução altamente funcional e rentável. Por isso, constitui uma alternativa eficaz na redução de custos, ajudando, além disso, a aumentar a produtividade e a eficiência energética, especialmente porque possui motores de ímã permanentes.

Apoio total

Segundo relata Bejarano, a integração foi um elemento-chave para escolher a solução da Rockwell Automation. “Precisávamos ter essa fonte com o máximo possível de controle e que estivesse na mesma plataforma de controle, pois, com a solução anterior, não tínhamos muitos parâmetros de como funcionava realmente.”

O êxito desse projeto abre à empresa novas oportunidades de negócios, especifica Bejarano, pois o alto grau de monitoramento que essa ferramenta de controle consegue desenvolver proporciona um elevado nível de confiabilidade. “Conseguimos tirar proveito de todas as variáveis que estão sendo controladas no momento e, sem dúvida, ofereceremos isso a outros clientes”, acrescenta.

O engenheiro também destaca o profissionalismo da equipe da Rockwell Automation, que indiscutivelmente contribuiu para o sucesso desse projeto. “Em termos de gestão comercial e da importação dos produtos, o apoio da Rockwell Automation foi impecável sob qualquer ponto de vista.”

Bejarano conclui afirmando que, durante a pré e a pós-venda, houve apoio permanente na parte técnica, na forma de e-mails, chamadas telefônicas e atendimento em campo. “A Rockwell Automation nos trouxe as ferramentas necessárias para conseguir a padronização de produtos e soluções, reduzindo os tempos de comissionamento e de engenharia, proporcionando, assim, um alto grau de rastreabilidade das aplicações”.

Desafio

Substituir o sistema de controle eletrônico com componentes analógicos, que ocasionava defasagem no controle da corrente e precisava ser recalibrado permanentemente, ocasionando interrupção da produção.

 

Solução

  • Inversor de frequência CC PowerFlex.
  • Controlador CompactLogix 5370 L1.
  • Switches industriais Stratix 2000.

 

Resultados

  • Geração de tensão e corrente contínua adequadas.
  • Produção de água pura de alta qualidade.
  • Maior nível de integração e alta confiabilidade do sistema.
  • Eliminação de serviço de manutenção.

Repetitividade da qualidade da água obtida.

Automation Today

A revista Automation Today é uma publicação semestral da Rockwell Automation destinada a comunicar as tendências e soluções na área de automação industrial.